MS é vice do Centro-Oeste e garante 5 vagas no Brasileiro

compartilhe agora

O título de vice-campeão do Centro-Oeste garantiu ao Mato Grosso do Sul 5 vagas no Campeonato Brasileiro de Boxe, que acontece em Salvador na Bahia, no mês de Dezembro. No Campeonato que começou na última Sexta-feira (03/11) e terminou no domingo (05/11) à noite, no Ginásio da Escola Joaquim Murtinho, em Campo Grande, o selecionado sul-mato-grossense obteve 13 pontos, com uma medalha de Ouro e 4 de Prata. A única medalha de Ouro do MS foi conquistada pelo campo-grandense Giuliano Arantes, 28 anos, na categoria pesada (91 kg).

A seleção de Goiás garantiu o título de bi-campeã com 19 pontos, 5 medalhas de Ouro e duas de Prata. Minas Gerais ficou em terceiro com 10 pontos e uma medalha de Ouro e duas de Prata. Também participaram as Seleções do Tocantins, Mato Grosso e Distrito Federal. Competiram 45 atletas, dois quais, 19 carimbaram passaporte ao Brasileiro.

O Selecionado sul-mato-grossense não contou com seu principal atleta. Paulo Martins (69kg), que se contundiu na véspera do Campeonato, e não houve tempo hábil para substituição.

Ao final do Torneio, o presidente da FDBMS (Federação de Boxe do Estado de Mato Grosso do Sul), Marcelo Nunes, avaliou que, apesar do desfalque, esperava maior número de medalhas de Ouro, mas de qualquer forma, o número de classificado ao Brasileiro era o esperado.
“Chegamos com cinco atletas na final, e só ganhamos uma. Nossa expectativa era a de garantiu dois títulos de campeão. Mas o importante é que temos cinco atletas da classe elite classificados ao Campeonato Brasileiro”, comentou o dirigente.

NOVA FASE DO CENTRO-OESTE
O Campeonato Centro-Oeste surgiu em 1996 por iniciativa dos presidentes das Federações do Distrito Federal e de Mato Grosso, Sebastião Borges e Davi Motta. Mas a competição passou a ganhar força em 2010 com administração do atual presidente da CBBoxe (Confederação Brasileira de Boxe), Mauro Silva. Começou a existir investimento e a partir de 2015 passou a se chamar também Campeonato Brasileiro –Seletiva Região ll. Ou seja, passou a servir de Seletiva a fase principal do Campeonato Brasileiro- classe elite.
Desde que passou a servir de Seletiva a fase principal do Brasileiro, em 2015, Goiás foi campeão duas vezes (2016 e 2017) e Mato Grosso do Sul foi campeão em 2015.

MEDALHISTAS
52 Kg
OURO: Pablo Jesus
PRATA: Idowemar Godoy

56 KG
OURO: Arilson Gonçalves (MG)
PRATA: Gabriel Mercado (MS)
BRONZE: Mateus Torres (MT)
BRONZE: Natan Ciqueira

60 Kg
Ouro: Luan Medeiros (GO)
Prata: Usilson Marques(MT)
BRONZE: Renan Correa (MS)
Bronze: Paulo Júnior (TO)

64kg
OURO: Luís Fernando (GO)
PRATA: Elias Gonçalves (MS)
BRONZE: Rafael Santos (MT)
BRONZE: Wallace Nunes (DF)

69 Kg
OURO: Uendel Brito (GO)
PRATA: Thalles Simão (MG)
BRONZE: Maurício Meira (DF)
BRONZE: Wagner Luís (MT)

75 kg
Ouro: Klisman Simão (MG)
PRATA: Valdeir Célio (MS)
81 kg
OURO:Vinicius Santana (GO)
PRTA: Warlley Carvalho (TO)
BRONZE: Rafael Gonçalves (DF)
BRONZEW: Lucas de Souza (TO)

91 KG
OURO: Giuliano Silva (MS)
PRATA: Alexandro Silva
Bronze: Danilo Simioli (MT)
BRONZE: Everton Soares (TO)

Super Pesado (+91kg)
OURO: Cairo Silva (GO)
PRATA: João Menezes (MT)
BRONZE: Raiug Souza (MG)

compartilhe agora

Comments

comments

%d blogueiros gostam disto: